segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Vitória terá unidade da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD)

Mulher fazendo hidroginática com criança na AACD
A AACD um centro de reabilitação para tratar crianças e adolescentes com deficiências físicas e reinseri-los na sociedade
Os moradores da capital vão ganhar uma unidade da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD). É um centro de reabilitação para tratar crianças e adolescentes com deficiências físicas e reinseri-los na sociedade.
O resultado foi anunciado, na noite deste sábado (22), durante um programa de televisão. Na AACD os pacientes contam com médicos, fisioterapeutas, terapeutas, fisiatras e equipamentos diversos de fisioterapia, inclusive aquática. O serviço é oferecido gratuitamente.
O prefeito João Coser comemorou a escolha de Vitória. "Estou extremamente feliz com essa conquista. Hoje o Espírito Santo não tem um centro de referência tão especializado como este. A partir de agora, os moradores de Vitória e de todo o Estado vão ganhar mais oportunidades de reabilitação e mais qualidade de vida. Muito obrigado a todos que ajudam a AACD".
Local
A Prefeitura está desapropriando e vai doar a área onde será construída a unidade. O terreno fica na Rodovia Serafim Derenzi, no bairro Universitário. "É uma área de 5 mil metros quadrados e, ao lado, será construída a Unidade de Saúde do território de Grande Vitória", explicou o secretário municipal de saúde Luiz Carlos Reblin.
"A AACD vai beneficiar não só o morador da capital. É um serviço de excelência para reabilitação de pacientes e será muito importante para os pacientes que necessitam deste atendimento", acrescentou o secretário.
A estimativa é que sejam realizados 140 atendimentos por dia na unidade, que vai contar com profissionais como médico fisiatra, ortopedista, urologista, neuropediatra, neurocirurgião, pediatra, cardiologista, nutricionista, além de fisioterapia infantil, fisioterapia adulto, trauma ortopédico infantil e adulto, hidroterapia, psicologia, fonaudiologia, pedagogia, musicoterapia e arteterapia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo contato!