quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Melhores restaurantes e bares da capital recebem Selo de Qualidade Turística

Antônio Carlos Nascimento
Restaurante
O Selo é um mecanismo de premiação que dá credibilidade a estabelecimentos comprometidos em oferecer bons serviços
Proprietários de bares e restaurantes de Vitória que tiveram seus estabelecimentos avaliados receberão, nesta terça-feira (22), às 19h30, o Selo de Qualidade Turística, durante o 11º Congresso e Feira Bares, Restaurantes, Hotéis e e Similares Sabores, no Pavilhão de Carapina, em Serra.
O número de inscritos para receber a premiação na Secretaria Municipal de Turismo (Semtur) este ano chegou a 67. A relação dos aprovados será divulgada na entrega da premiação. Para confirmar presença no evento é necessário ligar no telefone 3235-2916.
O Selo é um mecanismo de premiação que dá credibilidade a estabelecimentos comprometidos em oferecer bons serviços. E, ainda, orienta turistas e os próprios moradores sobre a qualidade dos produtos oferecidos. A participação foi facultativa e gratuita.

Oportunidade

Segundo o secretário municipal de Turismo, Antônio Bispo, a resposta dos comerciantes é significativa, pois as indicações de melhoria têm sido atendidas. Os participantes recebem vistoria gratuita, que aponta aspectos relevantes para a adequação.
A avaliação dos estabelecimentos segue os mesmos critérios para todos os empreendimentos, independente de seu porte, o que se configura como uma oportunidade para que o talento e esmero dos empresários e responsáveis pelos estabelecimentos tenham destaque.
As categorias atendidas são churrasco e carnes; comidas árabe, brasileira, capixaba e frutos do mar; cozinhas internacional, italiana, oriental, portuguesa; petiscos e porções; pizzaria e self-service. "O estabelecimento deve prestar um serviço de acordo com a proposta sugerida. Mais importante que o glamour ou sofisticação do lugar é a qualidade do atendimento, o serviço oferecido e a consideração ao turista", destacou Bispo.

Padrão

O secretário reforçou que a intenção é que os serviços sejam padronizados e os clientes tenham sua expectativa atendida. Manter o selo, destacou Bispo, mostra, inclusive, a preocupação com a capacitação profissional, em especial, num momento como o atual quando Vitória ganha competitividade, projeta-se como importante polo de serviços e ganha visibilidade.
Foram utilizados na avaliação, critérios como aspectos legais e construtivos, equipamentos e instalações, utensílios, serviços e atendimento ao turista. Informações como inscrição municipal, quantidade de mesas e cadeiras, número de garçons e cozinheiros, ano da inauguração e qualidade do site, entre outros, foram indicados.
Antônio Carlos Nascimento
Restaurante
Foram utilizados na avaliação, critérios legais e construtivos, equipamentos e instalações, utensílios, serviços e atendimento ao turista
A concessão do Selo é feita por meio das secretarias municipais de Turismo (Semtur), de Desenvolvimento da Cidade (Sedec) e Saúde (Semus) e cumpre três etapas distintas e complementares. Foram feitas a análise documental, a inspeção sanitária e, na etapa final, a verificação da qualidade.

Negíocios

Durante a Sabores, que será realizada desta segunda (21) até quarta-feira (23), serão apresentados os melhores produtos, os equipamentos mais modernos e serviços sofisticados para o segmento de bares, restaurantes, hotéis e similares. Na programação do Congresso e Feira constam palestras, encontro de chefs e aulas shows com especialistas em gastronomia.
Além disso, a Sabores se apresenta como uma excelente oportunidade para a prospecção de novos negócios. Somente na edição de 2010 o evento gerou mais de R$ 1 milhão em transações comerciais para o segmento e reuniu mais de 3 mil participantes.
Com edição de Deyvison Longui

Fonte: http://www.vitoria.es.gov.br/secom.php?pagina=noticias&idNoticia=7291


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo contato!