terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Praia Acessível muda de lugar após 'Curva' ficar imprópria para banho


Praia Acessível muda de lugar após 'Curva' ficar imprópria para banho

Novo ponto fica em frente ao Quiosque 2 na Praia de Camburi.
Projeto dá banho de mar em pessoas com limitação de mobilidade.

Do G1 ES










O projeto Praia Acessível, da Prefeitura de Vitória, vai passar a funcionar na Praia de Camburi depois que o ponto da Curva da Jurema ficou impróprio para o banho.
A mudança acontece, nesta quinta-feira (5), e o projeto vai funcionar, por enquanto, em frente ao Quiosque 2 de Camburi. Mas volta para a Curva assim que a balneabilidade for restabelecida.
Projeto 'Praia Acessível' ajuda quem tem mobilidade reduzida (Foto: Livia Albernaz/ PMV)
Projeto 'Praia Acessível' ajuda quem tem
mobilidade reduzida (Foto: Livia Albernaz/ PMV)
Na semana passada, a Justiça determinou que o programa fosse para outro lugar. A prefeitura tinha até 10 dias para fazer a mudança e a multa diária em caso de descumprimento era de R$ 5 mil.
Projeto
Esse projeto permite que pessoas que tenham alguma limitação de mobilidade tomem banho de mar.

O Praia Acessível tem três cadeiras que flutuam na água e não afundam na areia.
A equipe é formada por assistentes sociais, psicólogos e professores de Educação Física.
No verão, o Praia Acessível funciona de quinta-feira a domingo, das 8h às 13h.
Projeto Praia Acessível, em Vitória (Foto: Leonardo Silveira/PMV)Projeto Praia Acessível, em Vitória (Foto: Leonardo Silveira/PMV)
Fonte: http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2017/01/praia-acessivel-muda-de-lugar-apos-ponto-de-banho-ficar-improprio-no-es.html

terça-feira, 10 de janeiro de 2017

Vitória estuda implantação de ônibus de dois andares para city tour

Uma empresa interessada em operar o serviço na capital e também na Grande Vitória reuniu-se com o prefeito Luciano Rezende

Vitória poderá contar com o serviço de city tour realizado por aqueles famosos ônibus de dois andares. Os veículos possuem a parte superior aberta para melhor visualização das paisagens por parte dos turistas e são famosos em muitas cidades do mundo.
Uma empresa interessada em operar o serviço na capital e também na Grande Vitória reuniu-se, na tarde desta última segunda-feira (9), com o prefeito Luciano Rezende
Uma empresa interessada em operar o serviço na capital e também na Grande Vitória reuniu-se, na tarde desta última segunda-feira (9), com o prefeito Luciano Rezende
Foto:Divulgação











Uma empresa interessada em operar o serviço na capital e também na Grande Vitória reuniu-se, na tarde desta segunda-feira (9), com o prefeito Luciano Rezende para apresentar a proposta, que vai ajudar a incrementar o turismo em toda a região.
O prefeito ficou entusiasmado com a ideia. "Essa é uma iniciativa que já existe em várias capitais importantes do mundo com beleza turística, que é o caso de Vitória. Aproveitando o grande esforço de integração das gestões metropolitanas, eu já falei com o prefeito Max Filho, de Vila Velha, que gostou muito da ideia, também o Audifax, da Serra, o Juninho, de Cariacica, além de Guarapari, Viana, Fundão. Todas essas cidades têm pontos turísticos, e nós podemos tentar fazer roteiros que possam envolvê-las", disse Luciano Rezende.
Ele completou: "A vista do Convento da Penha e da baía de Vitória, que são uma das cenas mais lindas do mundo, vai fazer um sucesso total entre os turistas e também entre os moradores do Espírito Santo, que poderão utilizar esse tipo de veículo para observação".
A proposta, inclusive, será levada por Luciano para os demais prefeitos na reunião que ocorrerá nesta quarta-feira (11), quando eles vão discutir assuntos que envolvem os municípios da Região Metropolitana.
O secretário municipal de Turismo, Trabalho e Renda Leonardo Krohling enfatizou, ainda, a importância do serviço de city tour também ocorrer em outras cidades da Região Metropolitana. "A gente tem total interesse para que a Região Metropolitana esteja incluída também porque Vitória é uma cidade indutora do turismo. Nada melhor do que englobar Vila Velha, Serra, Cariacica para que tenhamos todos os atrativos turísticos visitados pelo moradores e visitantes por meio do ônibus", destacou.


Fonte: http://novo.gazetaonline.com.br/noticias/cidades/2017/01/vitoria-estuda-implantacao-de-onibus-de-dois-andares-para-city-tour-1014012739.html

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

Ônibus de Vitória são equipados com Wi-Fi grátis em fase de teste

Vinte ônibus já estão operando com Wi-Fi; intenção é que toda a frota tenha.
Segundo a prefeitura, não haverá custos.

Kaique Dias
Da CBN Vitória
Ônibus com wi fi receberam um selo especial (Foto: Kaique Dias/CBN Vitória)Ônibus com wi fi receberam um selo especial (Foto: Kaique Dias/CBN Vitória)









Cerca de 20 ônibus do sistema municipal de Vitória estão sendo equipados com internet Wi-Fi. Por meio de patrocínios, a rede não vai gerar custos para os órgãos públicos e empresas responsáveis pelo sistema, segundo a prefeitura.
A ideia elaborada por uma empresa de tecnologia está sendo testada desde o início desta semana e há pretensão de colocar a rede em todas as 56 linhas da capital, além dos coletivos do sistema Transcol, que atendem a região Metropolitana de Vitória.
Chamado Neobox, o sistema de internet funciona como um roteador Wi-Fi de longo alcance, permitindo a conexão de até 50 pessoas ao mesmo tempo. A rede capta internet via 3G ou 4G e a velocidade de download deverá ser no mínimo de 256 kbps por pessoa, mas depende da demanda.

O aparelho possui ainda sistema GPS, que oferece a localização exata do coletivo. O roteador já foi homologado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Segundo o diretor e sócio da empresa, Naor Alves, o custo será bancado por meio de patrocínios de empresas, que terão divulgação de produtos no momento em que o usuário fizer o cadastro na rede, por meio de banners e vídeos promocionais.

“Vem da divulgação de mídia digital, através do Wi-Fi. Quem vai custear são empresas que desejam vincular a marca através do serviço. As prefeituras e empresas não vão gastar nada com isso”, acrescentou.
Naor explica ainda que a rede deve continuar em fase de testes por até dois meses. Depois, poderá ser ampliado para toda a frota, que na capital é de aproximadamente 220 veículos de 56 linhas.
Prefeitura
A Secretaria Municipal de Transportes, Trânsito e Infraestrutura Urbana (Setran) de Vitória disse que, como o sistema não deve gerar custos, tem pretensão de que seja ampliado para toda a frota municipal após os testes.

O Sindicato das Empresas de Transporte Metropolitano da Grande Vitória (GVBus) foi procurado para comentar sobre a possibilidade de adesão no sistema Transcol e disse apenas que não está em estudo sobre este assunto no momento.
Saiba quais linhas já tem Wi-Fi
- 184 - Jardim da Penha / Rodoviária (Via Avenida Maruípe) - 2 veículos
- 211 - Santo André / Jardim Camburi (Via Beira Mar) - 5 veículos
- 290 - Estrelinha / Jardim Camburi (Via Beira Mar) - 2 veículos
- 310 - Santo André / Jardim Camburi (Via Jardim da Penha) - 2 veículos

Linhas que ainda vão receber o sistema
- 110 - Estrelinha / Jardim Camburi (Via Reta da Penha) - 2 veículos
- 121 - Mário Cypreste / Jardim Camburi (Via Reta da Penha) - 5 veículos
- 164 - Mário Cypreste / Jardim Camburi (Via Avenida Marechal Campos) - 2 veículos


Fonte: http://g1.globo.com/espirito-santo/noticia/2017/01/onibus-de-vitoria-sao-equipados-com-wi-fi-gratis-em-fase-de-teste.html